sexta-feira, 29 de abril de 2016

Hamilton admite que vantagem de Rosberg na temporada "é grande coisa"

Hamilton admite que vantagem de Rosberg na temporada "é grande coisa"



Lewis Hamilton começou a temporada atrás de Rosberg Reprodução/Instagram O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton ainda não perdeu a liderança de uma temporada para seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg, mas não está nem perto de subestimar o desafio que terá pela frente neste ano. Vendo Rosberg 36 pontos à sua frente depois de vencer as três primeiras corridas da atual campanha, que somadas lhe concederam 75 pontos, o britânico rejeitou nesta quinta-feira as insinuações de que a diferença não é grande coisa. "Não encaro isso com leviandade e não encaro como se não fosse grande coisa. É uma grande coisa", afirmou ele aos repórteres às vésperas do Grande Prêmio da Rússia. "São 36 pontos. É uma corrida e mais um pouco... não encaro isso pensando "ah, não é nada". É uma ladeira íngreme para se subir." Olhando pelo lado positivo, em 2014 Hamilton superou uma defasagem de 29 pontos em relação a Rosberg, e esta temporada será a mais longa da história, com 21 provas. Ainda há 18 pela frente, incluindo uma série de circuitos onde ele dominou em outras ocasiões. A Rússia, que estreou no calendário dois anos atrás, depois de sediar a Olimpíada de Inverno no mesmo local da corrida de domingo, dará a Hamilton uma grande chance de diminuir a vantagem de Rosberg, já que ele venceu ali em 2014 e 2015. Assista aos programas da Record no R7 Play

Fonte: Automobilismo R7
Categoria: formula-1

domingo, 24 de abril de 2016

Fernando Alonso diz que ainda tem habilidade para vencer os melhores da F-1

Fernando Alonso diz que ainda tem habilidade para vencer os melhores da F-1






Fernando Alonso afirmou estar confiante quanto a vencer qualquer um Getty Images Sem vencer uma corrida desde 2013, o bicampeão Fernando Alonso acredita que ainda tem potencial para fazer bonito na Fórmula 1. Nesta sexta-feira, ele garantiu que tem habilidades suficientes para vencer os melhores da atualidade se puder correr nas mesmas condições. O piloto espanhol não citou nomes, mas sugere que os melhores são o inglês Lewis Hamilton e o alemão Nico Rosberg, da poderosa Mercedes. "Eu sempre me sinto confiante quanto a vencer qualquer um", declarou o espanhol, em entrevista ao canal Sky, da Itália. "Eu não acho que eu seja melhor que os outros quando se mede apenas a velocidade num treino classificatório. Não acho que seja melhor que qualquer um em pista molhada, ou seca, no treino ou na corrida... Mas se você me colocar no mesmo carro que outro piloto, na mesma pista, no mesmo momento, eu acho que vou vencê-lo. Talvez eu não seja o melhor em todos setores, mas vou vencê-lo mesmo assim." Ao fazer estas declarações, Alonso tenta recuperar o espaço que vem perdendo na F1 nos últimos anos. Campeão em 2005 e 2006, o espanhol parecia prestes a dominar a categoria, principalmente ao trocar a Renault pela Ferrari. O sonho do tricampeonato, porém, não se concretizou. E Alonso teve fraco desempenho em seu último ano na equipe italiana. Na McLaren, a situação foi ainda mais difícil em seu primeiro ano. Diante do retorno da Honda ao time britânico, Alonso e o inglês Jenson Button tiveram performance sofrível em 2015. Agora, o espanhol demonstra ansiedade para voltar a brilhar na Fórmula 1. "Agora que o carro tem potencial para ser competitivo e para estar até no Q3 [última sessão do treino classificatório], quando você tem uma oportunidade, não pode perder. E, quando acontece, é por causa de uma bandeira vermelha", afirma, referindo-se a uma chance perdida na China. "Você fica muito frustrado porque sabe que uma oportunidade como esse pode não surgir de novo." Após três etapas disputadas neste ano, o espanhol ainda não somou pontos no Mundial de Pilotos. O mesmo acontece com seu companheiro Jenson Button. Assista aos programas da Record no R7 Play

Fonte: Automobilismo R7
Categoria: formula-1

sábado, 23 de abril de 2016

Piloto espanhol posta foto dizendo que sua recuperação está completa

Piloto espanhol posta foto dizendo que sua recuperação está completa



Fernando Alonso diz estar melhor Reprodução/Instagram Depois de quase um mês de seu acidente, o piloto de Fórmula 1 Fernando Alonso postou uma foto em seu Instagram e disse que sua recuperação está completa. O espanhol sofreu um grave acidente durante o GP da Austrália, dia 20 de março, que deixou seu carro destruído. Felizmente, o piloto não sofreu muitas lesões, mas teve que ficar sem correr por um tempo. Alonso estava se esforçando para acelerar sua recuperação e poder voltar o mais rápido possível para as pistas.O piloto chegou a correr no GP da China, que aconteceu dia 17 de abril, e deve estar 100% até o GP da Rússia, no dia 1° de maio. Assista aos programas da Record com o R7 Play

Fonte: Automobilismo R7
Categoria: formula-1